Por quê meu bebê não dorme a noite inteira?

Por quê meu bebê não dorme a noite inteira?

2

Você já fez de tudo: cantou, embalou, passeou com ele pela casa, deu de mamar, voltou a embalar e passear pela casa, colocou no berço, saiu de mansinho… mas não teve sucesso: seu bebê voltou a chorar assim que saiu do seu colo. E falta apenas 1 hora e meia para o despertador tocar. Esta cena lhe parece familiar?

Saiba que alguns hábitos podem atrapalhar o sono do bebê. Mas fique tranquila pois eles podem ser mudados e todos poderão voltar a ter uma boa noite de sono.

Vejamos alguns deles:

  • Agitar demais a criança próximo da hora do sono. O ideal é ir baixando o ritmo do bebê no mínimo uma hora antes de colocá-lo no berço, procurando criar uma atmosfera de tranquilidade. Abaixe o som da tv, reduza a iluminação, fale baixinho ou conte uma história. Música relaxante também pode ajudar muito nessa hora.
  • Fazer com que o berço se torne lugar para brincadeiras. Enquanto o bebê é pequeno, não há problema em colocar móbiles ou brinquedos para distraí-lo. Porém, à medida em que ele cresce, entre os seis meses e um ano, o ideal é distinguir o ambiente de dormir do de brincar. Procure deixar no berço apenas objetos que estejam associados ao sono da criança, como aquele bichinho que ela gosta de dormir ou o cobertorzinho.
  • Ir ao quarto ao menor barulho que ele fizer. É normal que os bebês choraminguem durante a noite, e isso não significa necessariamente que ele esteja precisando de você. Pelo contrário, a sua presença pode até fazer com que ele acorde. Mas, caso haja realmente a necessidade, evite pegá-lo no colo. Isso pode fazer com que ele crie o hábito de resmungar para conseguir sua atenção sempre que quiser companhia durante a noite.
  • Fazer com que ele durma no colo ou na cama para depois levá-lo ao berço. Se fizer isso, ele pode se assustar quando acordar e perceber que não está no mesmo lugar onde adormeceu. E, adivinhe… ele vai chorar e chamar sua atenção.
  • Não criar uma rotina. Não permita que o bebê vá dormir cada dia em um horário diferente. Ao contrário disso, procure criar um horário fixo e uma rotina, que devem ser seguidos todos os dias. Se for o caso, abra exceção no final de semana.
  • Deixar que a criança fique muito cansada e passe do seu horário de dormir. Ao contrário do que pode parecer, isso pode prejudicar seu sono, fazendo com que o organismo produza o hormônio cortisol, que gera agitação. Portanto, assim que ela demonstrar irritação ou começar a esfregar os olhos e coçar as orelhas, leve-a para a cama.

 

Lembrando que, assim como os adultos, os bebês também podem experimentar uma noite de sono difícil, por diversos fatores — como um dentinho crescendo ou uma dor de barriga. Antes de qualquer coisa, é importante que os pais estejam atentos e usem o bom senso e a intuição para poder compreender os motivos que podem estar levando o bebê a ter um sono agitado.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.